Conferência Livre dos Direitos da Criança e do Adolescente de Parnarama será realizada em junho Nos dias 06 e 13 de junho, a Prefeitura de Parnarama por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social em parceria com Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), realizará duas Conferênc" property="og:description"> Prefeitura Municipal de Parnarama - MA
  •  
  •  
  • Facebook
  • Twitter
  • Youtube
  • Fale conosco
30/05/2018
Conferência Livre dos Direitos da Criança e do Adolescente de Parnarama será realizada em junho

Fonte: ASCOM

Nos dias 06 e 13 de junho, a Prefeitura de Parnarama por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social em parceria com Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), realizará duas Conferências Livres no município, sendo uma Bairro Redenção e outra no Bairro Agrovema.

As conferências fazem parte da preparação para a XIu Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, com momentos de mobilização onde representantes da sociedade civil e do governo poderão dialogar sobre políticas públicas voltadas à infância e à adolescência no Brasil.

As conferencias livres tem como tema central a “Proteção Integral, Diversidade e Enfrentamento das Violências”. A escolha desse tema foi baseada no reconhecimento de que, apesar dos avanços, ainda há muito a ser feito para garantir que a população infanto-juvenil tenha cada vez mais políticas públicas que assegurem acesso a seus direitos e a efetiva proteção integral, considerando a diversidade e as especificidades das crianças e adolescentes no país.

Na oportunidade serão discutidos 5 temas: 1. Garantia dos Direitos e Políticas Públicas Integradas e de Inclusão Social; 2. Prevenção e Enfrentamento da Violência Contra Crianças e Adolescentes; 3. Orçamento e Financiamento das Políticas para Crianças e Adolescentes; 4. Participação, Comunicação Social e Protagonismo de Crianças e Adolescentes; 5. Espaços de Gestão e Controle Social das Políticas Públicas de Promoção.

Após os debates os participantes construirão propostas voltadas para a afirmação do princípio da proteção integral a crianças e adolescentes nas políticas públicas, fortalecendo as estratégias/ações de enfrentamento das violências e considerando a diversidade.